Mercado

Mercado de borracha natural e a viabilidade econômica do cultivo da seringueira no Brasil

 

Especialistas contextualizam o mercado de borracha natural no Brasil e analisam a viabilidade econômica da cultura da seringueira

 

O artigo de Ravi de França Nogueira, Sidney Araujo Cordeiro, Angelo Márcio Pinto Leite e Mayra Luiza Marques da Silva Binoti contextualiza o mercado de borracha natural no Brasil e analisa a viabilidade econômica da cultura da seringueira.

Na contextualização utilizaram-se dados estatísticos obtidos em instituições governamentais e consulta a bibliografia, especialistas do setor, associações de classe e produtores de borracha natural.

Para a avaliação da viabilidade econômica, a principal fonte de dados foi advinda da Fazenda e Usina Santa Helena, pioneira na produção de borracha natural no estado de São Paulo. Os resultados indicam a necessidade de investimentos para impulsionar o crescimento da produção, visando a autossuficiência do país em borracha natural.

A comercialização nacional é fortemente influenciada pelas flutuações no mercado internacional. Concluiu-se também que o investimento em produção de borracha natural a partir de seringueira é viável economicamente, com Valor Presente Líquido (VPL) de R$ 4.405,07/ha; Taxa Interna de Retorno (TIR) de 10,82% ao ano; Relação Benefício Custo (B/C) de R$ 1,16 e um Benefício periódico equivalente (BPE) de R$ 416,36/ha/ano.

O artigo na íntegra pode ser lido aqui.

 

Leia também: Pesquisas mostram que seringueira oferece madeira de qualidade

Leia também: Cientistas usam nanotecnologia para avaliar clones de seringueira

 

Fonte: Primeira Página com informações do site Nativa.

Redes Sociais