Notícias


Publicado em:
8
2/2019

Em última reunião de Ilan Goldfajn, Copom mantém Selic em 6,5%

A decisão do dia 6 de fevereiro segue o que esperava a maior parte do mercado.



Metatags: Economia, Taxa de Juros, Copom, Selic
Pixabay

A Selic foi mantida pela sétima vez seguida em 6,5% ao ano, deixando a taxa em seu menor patamar da história. O mercado financeiro, nada surpreso, já começa a avaliar a possibilidade de um novo ciclo de corte de juros começando este ano.

Em comunicado, o Banco Central ressaltou que o cenário externo permanece desafiador, mas com alguma redução e alteração de perfil de risco. Para o BC, diminuíram os riscos de curto prazo associados à normalização das taxas de juros em algumas economias avançadas, porém aumentaram os riscos associados a uma desaceleração da economia global.

A recuperação gradual da economia e as expectativas sobre as classes de aprovação da reforma da previdência são os principais fatores que guiam as projeções de analistas e investidores. O otimismo de que o governo conseguirá levar adiante sua proposta no Congresso começa a levantar as chances de que o BC poderá voltar a cortar os juros.

Fonte: Primeira Página


Últimas notícias

O consumo ético da geração “Millennials”

Como atrair o consumidor da nova geração? Especialista salienta os pontos que os empresários devem se atentar.
Leia Mais

Juros do cartão de crédito são os menores em dois anos

Melhora do cenário econômico é um dos fatores responsáveis pela queda.
Leia Mais

Reforma tributária: o que você precisa saber para se preparar?

Assunto deve ganhar ainda mais espaço este ano, já que a simplificação e a redução da carga tributária brasileira estão nos planos do novo Governo.
Leia Mais